Inicial > Entretenimento > Cinco filmes de Terror

Cinco filmes de Terror

Por Domênico

Eu gosto de cinema, mas não sou exatamente um expectador atualizado. Desde o fechamento do último cinema da cidade de Pelotas – não, aquelas salinhas do cinema arco-iris não são um cinema; Elas são salas de cinema, muito mequetrefes, alias. os pouqíssimos filmes que assití lá simplesmente eram imprecindíveis na minha vida, e me senti lesado, ainda assim, por ser tratado como gado debilóide e não como uma pessoa que vai ao cinema.

Certo, primeira perda de foco. Vamos tentar voltar ao assunto.

Então… Eu gosto de filmes, gosto muito, na verdade. Sou crítico e chato, na maior parte das vezes, mas só depois de assitir cada filme, nunca antes, tirando conclusões antecipadas.

Agora que deixei todos previamente avisados, posso começar à escrever o que tenho por objetivo neste post.

Encontrei, por acaso, há algumas semanas, no bolso de uma jaqueta velha, uma lista de filmes, dessas que a gente faz quando vai visitar alguém e começa a falar de filmes legais. Bom, a tal lista tinha seis filmes listados, e nem faço idéia de com quem foi a conversa que gerou a tal lista.

No dia seguinte do descobrimento da lista, fui à minha locadora pra ver se achava os filmes. A minha esperança era achar um ou dois, pelo menos, e então porcurar os outros em alguma outra locadora. Bem, a verdade é que desisti totalmente depois de visitar a minha locadora e ainda mais uma, na qual ainda não tinha ficha – só pra me certificar – e descobrir que nenhum deles existia em DVD.

Parti, então, para a opção contemporânea dos desprovidos de dinheiro mas possuidores de internet: Torrentear os filmes.

Surpreendentemente, achei todos! Assisti à todos eles, e agora repasso minhas impressões. Para os pacienciosos, vão catá-los nas locadoras. Quando não os encontrarem, torrent. Não gosto de baixar filmes, mas fazer o que se eles não estão por aí, à disposição?

Ah, sim: Dos seis filmes da lista, cinco são de terror, e um não. Pra naõ misturar as estações, vou falar apenas dos filmes de terror. O outro fica pra uma próxima vez.

Nightbreed

Baseado na HQ homônima, aqui no Brasil traduzida como Raça das Trevas, é um filme B muito bom. Não é espetacular, mas é despretensiosamente bom. Fala dos marginais, de como pode ser dolorosa a queda à essa situação e como aqueles que são aparentemente socialmente aptos podem ser os maiores mosntros entre nós. O filme é grotesco, e como bom filme B, tem alguns momentos hilariamente exagerados, e pode causar uma certa estranheza num primeiro momento, mas eventualmente o olho se acostuma à bizarrice do ambiente.

Wolfen

Um filme de lobisomens com um ponto de vista bastante alternativo ao tema. Eu gosto de filmes de lobisomens – estou ansioso pra assistir Wolfman! – e este aqui não me decepcionou! Tem uma excelente fotografia, os atores são convincentes e rende alguns bons sustos. Mas fica o aviso: O tem é abordado por um ponto de vista bastante diferente do “normal” para filmes de lobisomens. Não vá esperando uma continuação de “um lobisomem americano em londres” ou do próximo filme da lista…

The Howling

Traduzido no Brasil como “um grito de horror”. Este é o melhor filme de lobisomens que eu já assisti. Descobri, mais tarde, que se trata do primeiro filme em que um lobisomem aparece em sua forma “híbrida”, meio homem meio lobo. Ele é meio ano mais jovem do que Um Lobisomem Americano em Londres, mas muito mais conceitual, mais cru. Um clássico lobisomesco!

The Devil Rides Out

o nome em português é As Bodas de Satã. Sei lá o que passa na cabeça desses caras que traduzem títulos…

Bom, o filme é da década de 70, tem o Conde Duku como personagem principal (ok, ele não usa a Força, mas cara, se usasse, eu nem ia estranhar…) e uma boa história. Tem momentos simplesmente “Queissoassimmeufilho?!?” mas é realmente muito, muito bom! E bem surpreendente, também. Com direito à aparição de Satã em pessoa, galinha pra sacrifício, aranhas gigantes, controle da mente e viagens no tempo. Assistam! Sério!

Dead Snow

Sem tradução para o português. Esse filme é de 2008 ou 2009, mas não consegui achar nas prateleiras. Sei lá. É hungar, polonês ou de algum outro lugar bizarro da europa, e muito, muito esquisito. Basicamente, um bando de amigos despreparados vão para o meio do nada, no meio da neve, curtir um isolamento. É então que são atacados por zumbis nazistas, e começa o filme de verdade. Sim, eu escrevi certinho: Zumbis nazistas! O filme vai normal até o meio, mais ou menos, e eu até achei que ia ser um filme de terror alternativo, mas daí descamba pro escatológico non-sense. É pra fãs de Evil Dead e coisas do gênero. Muito sangue, piadas esquisitas, nenhuma lógica e, como eu disse antes, zumbis nazistas!

Categorias:Entretenimento Tags:,
  1. 28/10/2009 às 20:15

    Opa! Bem-vindo Domênico!
    Gostei bastante das tuas resenhas. Deu vontade de ver todos. Sou fã do gênero, mas confesso que só conhecia o Dead Snow. Resumiste com maestria o filme. Hehehe também achei que ía tudo bem até o meio do filme, quando depois…

  2. Fábio Ochôa
    29/10/2009 às 09:54

    Nightbreed eu tinha visto na Globo, há 390 anos atrás, acho que o nome era “Criaturas da Escuridão”. Revi a pouco tempo, é legal ver hoje em dia, mas é tri-oitentão.

    Pô Domênico, fazia um tempão que não pensava no Grito de Horror.
    O final com a reporter em cadeia nacional é clááááássico…

  3. 31/10/2009 às 06:30

    Pois então…
    E eu agora tou atrás de outro cláááássico de licantropos: Cat People (aqui traduzido como A marca da Pantera). Natacha Kinsky naquele filme matou a pau!
    Ah, os filmes da década de oitenta…

  4. Fábio Ochôa
    04/11/2009 às 08:48

    Baita filme, vi a uns trezentos anos.
    Tenho em casa o original, Sangue da Pantera, de 42, é legalzim.

  5. Icaro
    04/11/2009 às 15:22

    Me mandaram um link sobre um filme de licantropos filmado na amazônia. Procurei e somente assistindo para se ter um ideia do que pode se esperar por ele.

    Assistiam… Infelizmente não achei qualidade melhor para o video. 😦
    Até mais.

  6. Jacques
    11/11/2009 às 14:25

    Dos filmes que citasses assisti Wolfen, que se passa em Nova York, e Raça das Trevas, que é do Clive Barker, o criador de Hellraiser. Bons tempos aqueles em que os efeitos especiais não importavam nem um pouco e era a imaginação que contava antes de tudo.
    Seja bem-vindo, gremista maldito…

  7. Kamila
    17/11/2009 às 08:57

    Eu nao curto mto filme de terror, mas um que eu lembro que vi com umas amigas e gostei foi aquele que o menino coloca uma motosserra no lugar da mão… aquele pelo menos é engraçado 😀

    • 02/05/2011 às 07:48

      Dá uma procurada por Dead Snow. É bem divertido, e muito pouco “terror”, na verdade… Tem uns momentos WTF?! muito engraçados, e é um tanto quanto non-sense! Se Evil Dead ou Army of Darkness (ambos tem o tal carinha com a mão de moto-serra, apesar de eu apostar que foi o último que tu assistiu) te agradaram, Dead Snow vai funcionar bem, também!

  8. Jair
    23/11/2009 às 12:17

    só filme tosco… nada aver

  1. No trackbacks yet.

O que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: