Início > Artes > Literatura Brasileira em Quadrinhos

Literatura Brasileira em Quadrinhos

Por Rafael

O jornal Diário Gaúcho está com uma promoção interessante. Toda quarta-feira, na compra do jornal, com mais R$5,90, leva-se grátis 1 voluma da série Literatura Brasileira em Quadrinhos, da editora Escala Educacional. Geralmente eu não chamo isso de promoção. Está muito mais pra “combo de venda”, mas cada volume da série, no próprio site da Escala sai pela bagatela de R$23,90 + frete.

A coleção é composta de 14 volumes, a contar:

de Machado de Assis:

  • Memórias Póstumas de Brás Cubas
  • O Enfermeiro
  • A Cartomante
  • A Causa Secreta
  • O Alienista
  • Uns Braços

de Lima Barreto:

  • A Nova Califórnia
  • O Homem que Sabia Javanês
  • O Triste Fim de Policarpo Quaresma
  • Um Músico Extraordinário
  • Miss Edith e seu Tio

de Manuel Antônio Almeida:

  • Memórias de um Sargento de Milícias

de Aluísio Azevedo:

  • O Cortiço

de Antônio de Alcântara Machado:

  • Brás, Bexiga e Barra Funda

Os desenhos são muito bons e a qualidade do material, excelente. O Cortiço, por exemplo, foi desenvolvido por Ronaldo Antonelli e Francisco Vilachã, e Memórias de um Sargento de Milícias, por Índigo e Bira Dantas. Já O Alienista ganhou a atenção dos gêmeos Fábio Moon e Gabriel Bá, indicados recentemente ao Oscar dos quadrinhos americados, o Eisner Awards, pelo trabalho De: Tales, coletânea de histórias já publicadas no Brasil.

Segundo a editora, o objetivo da série é levar ao leitor o jeito como o escritor usou as palavras, além, claro, de histórias interessantes. Cada volume traz o texto original e sem adaptações e, ao contrário do que muitos podem pensar, as HQs não vêm para substituir a leitura dos livros, mas para estimular o leitor a procurar novas fontes da história que acabou de ler, além de tirar o ar infantil que algumas pessoas atribuem aos quadrinhos.

Anúncios
  1. Márcia Moresco
    18/05/2010 às 11:58

    Oi, adquiri somente os livros: Memórias Póstumas de Bras Cubas e Memória de um Sargente de Milícias. Sou professora de Literatura e gostaria de saber como faço para adquirir os exemplares anteriores.
    Desde já agradeço

    • 18/05/2010 às 13:50

      Márcia, o melhor a fazer é entrar em contato com algum distribuidor do Diário Gaúcho, ou mesmo com alguma banca de revistas que guarde os números antigos. Se tens urgênia, entra no site da editora: http://www.escala.com.br/grupos.asp?grupo=43&categoriaid=261 e encomenda por lá, porém com um preço bem salgado. Espero ter ajudado. Abraço.

  1. No trackbacks yet.

O que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: