Início > Artes > Vive la sophistication

Vive la sophistication

Trabalho do artista Fabian Ciraolo. Simplesmente um luxo.

Anúncios
  1. 18/09/2011 às 01:18

    Primeiro: Dizer “simplesmente um luxo” é extremamente (como fazer pra não ofender os direitos dos homossexuais…?) fresco! Bicha! Baitola!

    Segundo: Sério? Porque? Porque o cara toma uns ácidos e faz umas colagens malucas…? Achei um trabalhinho bem bunda-mole. E tem uns bem mal-feitos, ainda por cima – porque o Space Ghost tem hipercefalia?!

    Sério, pra mim é só uma viagem de um maconheiro sem muito o que fazer. Maconheiro e gordo – porque é preguiçoso.

    • 18/09/2011 às 14:45

      Quanta maldade nesse coraçãozinho… Um luxo, sim, Domênico. Xadrez é o novo preto.

      Achei o de Space ghost péssimo também, mas gostei das montagens bagaceiras. Já vi trabalho de gente “profissional” e “não preguiçosa” muito pior que este. Cito o trabalho de Duda Mendonça (aquele mesmo do PT), idolatrado por todos do ramo da propaganda, que só faz plágio (Brasil Telecom X Pixar; Governo de Lula X Prefeitura de Colombo/PR; Ricardo Coutinho/PSDB X Cid Gomes/PT; Volnei/PT X Barack Obama; Linha 4 do metrô de São Paulo X Quem quer ser um milionário).

      Chamar de um luxo foi uma brincadeira, mas gostei das vestimentas dos personaens clássicos (e até dos mais esquecidos). Acho legal esses trabalhos alternativos, mesmo que o artista use ácido ou maconha, ou seja gordo.

      O site do cara é legal. Quem sabe não encontras lá algo que te chame atenção, já que esses desenhos (ou montagens) foram tão ofensivas à tua dignidade à tua sapiência e experiência cirativa/produtiva.

      Eu curti… Foda-se. Tu não… Foda-se. Um voto contra e um a favor.

    • 18/09/2011 às 16:21

      Ei Domênico…
      O que tu tens?
      Estás atirando pra tudo que é lado?
      Até parece aquele Domênico adolescente de 1997 irritado com o Fernandinho às 9:30 da manhã por ele defender o Capitão América.

      • 19/09/2011 às 01:11

        “aquele” Domênico e “este” Domênico de hoje em dia são a mesmíssima pessoa. Eu ainda tenho culhões pra xingar quem eu acho que fala bobagem, e nunca tive paciência pra aceitar opiniões alheias contrárias às minhas sem opinar e discutir. Respeito a opinião de todo mundo, mas quem quiser opinar quando eu estiver por perto tem que saber que vou discutir se discordo. É assim que eu sou e espero sempre ser.
        Eu fiquei mais velho e mais tolerante, mas eu nunca serei um bunda-mole. Tem gente que acha que isso é extremismo, revolta e um sem número de outras coisas. Eu acho que é ter opinião própria. Eu mudo de opinião, troco de lado, mudo de posição, mas nunca sem refletir muito e concluir que isso ou aquilo é melhor, mais “certo” ou ao menos menos “errado”. Mas mudar de opinião não quer dizer que eu vou deixar de defender uma idéia – seja uma nova ou uma antiga.
        E eu não gosto mesmo do Capitão América. Ainda acho aquele personagem imbecil. E essa opinião definitivamente não vai mudar.

  2. 19/09/2011 às 07:49

    Espero que tu e teus culhões tenham percebido as asneiras que disseste aqui. Acabaste de dizer que “falo bobagem” e que sou “bunda-mole”.

    Mas não me ofendo. Opinião é opinião; e bobagem jogada no comentário sem fundamento é o que mais leio aqui. Só que sempre de um anônimo ou desconhecido. Não de um cara com quem curto tomar um café.

    Pena que algumas pessoas continuam na adolescência, mesmo aos 30 anos.

    PS.: bunda mole não tem hífen.

    • 19/09/2011 às 12:58

      Putz!
      Tu entendeu que eu tava te chamando de bunda-mole (com hífen, porque meu português é uma droga, mesmo…) ou dizendo que tu fala bobagem? Cara, eu tava falando especificamente do que o Marco comentou. Não tinha nada a ver com essa postagem, mas sim com….
      Bah, isso ia levar uma vida pra explicar.
      Não tinha nada a ver com a tua postagem, mas sim com o “Domênico adolescente de 1997” que, por algum motivo, as pessoas acham que morreu.
      Se eu tivesse que te chamar de bunda-mole (bunda-mole tinha hífen antes da reforma ortográfica, né?) ou dito que tu fala bobagem, tinha escrito isso lá no post onde eu disse que “um luxo era extremamente bicha”.
      (Sutileza não é, definitivamente, uma das minhas características)
      E sem entrar no mérito da palavra “adolescência”, eu nunca me considerei um sujeito muito maduro, mesmo…

      • 19/09/2011 às 13:44

        Ta.. isso aí a gente discute numa queda de braço no próximo café… Te prepara.

        Mas vê se deixa teus culhoes em casa… Não quero eles sobre a mesa do café.

      • 19/09/2011 às 18:32

        Tu é o mesmo Domênico de 1997?
        Aquele mesmo que perdeu a memória?
        Putz.

      • 19/09/2011 às 21:57

        tche, desculpa responder daquele jeito. Não to me reconhecendo mais… vou dar um tempo aqui no blog. foi mal.

  3. 19/09/2011 às 12:26

    Ah, hoje em dia sou da turma dos bundas moles.
    Até porque não tenho me exercitado.
    heheh.

  4. Fábio Ochôa
    22/09/2011 às 16:51

    E no meio de toda a brigalhada batemos pela terceira vez este mês nosso recorde de acessos.

  5. 22/09/2011 às 18:29

    Eu pedi desculpas e o Domênico mandou um e-mail, a gente conversou e tá tudo bem. Nos casaremos em abril… Quer dizer… Resolveremos isso como dois adolescentes maduros: na queda de braço. Fica aqui minha intimação. Vou dar um tempo pra ele dar uma treinada. Eu já assisti Falcão, o Campeão dos Campeões 7 vezes, comprei um boné e estou aprendendo a dirigir caminhão. Acho que estou preparado. O desafio está lançado. Te espero dia 1º de outubro.

    • 22/09/2011 às 21:45

      Eu não briguei com ele, acho.
      Até porque o Domênico é assim mesmo, maluco, artista e segundo alguns, Gay.
      Ainda acho que ele amadureceu um pouco, até porque não sai mais por aí dizendo que levita objetos, ou perdendo a memória.
      Mas ele definitivamente não gosta do Capitão América e pelo que vi, deste artista aí de cima.
      A mulher peituda ficou legal.
      heheh

    • Fábio Ochôa
      26/09/2011 às 09:35

      Falando nisso, o senhor perdeu nossa resenha crítica sobre Falcão o Campeão dos Campeões em nosso Fantasticast anos 80.

      • 26/09/2011 às 22:33

        Pois é.
        Tive problemas no trabalho e não pude ir, mas tenho certeza que os anos oitenta foram devidamente detonados pela turma do Fantasticast.

  1. 25/03/2012 às 19:03

O que você achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: